Tag Archives: mentiras

Notebook Dell no Brasil agora tem bateria retroalimentada

6 maio

Exemplo de inovação em notebooks, a Dell do Brasil lançou em novembro do ano passado o novo Vostro 5470, um ultrabook capaz de ser retroalimentado por energia e funcionar plenamente com a bateria conectada a todo tempo. Essa tecnologia, antes só vista em computadores de mesa, está disponível no meu equipamento e agora posso usa-lo sempre que eu tiver uma tomada por perto, sem ficar me preocupando com descarregamento da bateria ou bateria viciada. E ainda, se não ficou claro até agora, isso é uma piada e o palhaço sou eu.

Logo depois que publiquei aqui o problema que exigiu o suporte técnico, a Dell entrou em contato agendando a troca das peças para o dia 14 de abril, no dia agendado ligaram remarcando para o dia seguinte, alegando que o técnico estaria atendendo a um chamado que demorou mais do que o esperado. Sem problemas, já estava aguardando há 30 dias, então não faria diferença. Mas agora senta aí, porque lá vem a história…

Mais um Dia de D ser enrolado na Dell Brasil

Primeiro atendimento (35 dias depois)

O técnico da Dell veio na terça-feira (15 de abril) efetuar o conserto e trouxe com ele duas caixas lacradas com as peças. Primeiramente testou o carregador e constatou que não era ali o problema. Então desmontou o meu Vostro 5470 e abriu a primeira caixa esperando encontrar uma bateria mas, pasme, encontrou lá dentro um palm rest de um Dell Inspiron (note que o meu modelo é o Vostro). Inconformado, o técnico abriu a segunda caixa para testar a placa-mãe e encontrou uma placa-mãe do mesmo modelo do meu equipamento, porém sem placa de vídeo dedicada.

Algo importante sobre os produtos da Dell é que eles possuem um código chamado “etiqueta de serviço”, que é único para cada equipamento, isso teoricamente foi feito para montar um mapa fiel dos componentes do produto e tornar impossível erros de sistema. Em outras palavras: Colocar a carcaça de um notebook na caixa onde teria que ter uma bateria pode ser erro humano, mas enviar uma placa-mãe diferente da especificada para o equipamento é improvável que seja, visto que os códigos da caixa e do produto eram os mesmos (no caso da placa-mãe).

Para aproveitar a peça, o técnico a instalou e constatou que ela resolvia o problema, então abriu o chamado e me disse que provavelmente a peça correta estava em estoque, portanto no dia seguinte alguém entraria em contato para informar uma nova data para o atendimento.

O Chamado

Dois dias depois que o técnico esteve na minha residência ainda não havia recebido qualquer atualização da Dell, então liguei diretamente para técnico e ele verificou no sistema que não haviam repassado nenhum chamado. Entrei em contato com a Dell e o atendente disse que o chamado estava aberto e com as peças corretas, avisei ele que a Unisys, empresa responsável pelo suporte técnico Dell a nível mundial, havia me dito que não constava nenhum chamado. Depois de alguns minutos o atendente informou que estava aguardando aprovação e já havia “apertado o botão” para o chamado prosseguir.

Como até o dia 23 de abril não houve qualquer manifestação da empresa, entrei novamente em contato com o atendimento que me informou que a placa-mãe havia entrado em processo de importação e que a nova previsão era 30 de abril. Opa, espera aí, então quer dizer que no dia 17 de abril o chamado estava aguardando aprovação para o agendamento da troca e agora estão sendo importadas pela segunda vez? Então devo entender que o atendente anterior mentiu ao dizer que o chamado estava “aberto e com as peças corretas”?

Aparentemente o fato de serem pegos na mentira chamou atenção de alguém na empresa, pois no dia 28 de abril, pela primeira vez, um atendente da Dell entrou em contato para esclarecer que a logística havia revisado o chamado e que as peças não existiam no estoque brasileiro e que a previsão de chegada era pra 30 de abril e poderia sofrer pequenos atrasos devido aos processos alfandegários e de transporte. Como esta mensagem não acrescentou nada no meu dia e não resolveu meu problema, não resisti em ser criativo na minha resposta:

Agradeço pela atenção especial dada ao meu caso enviando-me essa mensagem padrão e gostaria de deixar minha sincera compreensão sobre o pequeno atraso agora confirmado em 50 dias. Imagino que os procedimentos alfandegários do nosso país devam dificultar muito esse processo, principalmente no caso da Dell, onde a entrada internacional de eletrônicos é tão esporádica e seu transporte é feito voluntariamente pela peregrinação de freiras cegas e pernetas do Tibet.

Segundo atendimento (55 dias depois)

Como já era esperado, ninguém entrou em contato até o dia 2 de maio e, como já estou bem treinado, entrei no chat da Dell para engolir a nova desculpa criativa sobre a resolução do meu caso. Desta vez estavam sem criatividade e a transcrição foi:

Atendente: Senhor, verifiquei no sistema, a peça não esta disponivel. Ja foi solicitado com urgencia, assim que a peça estiver disponivel, o tecnico entrara em ctt com o senhor

Eu: Estou aguardando desde 10 de março, você tem outra orientação?

Atendente: Não senhor, a peça ja foi solicitada com ugencia, assim que a peça chegar o tecnico irá entrar em ctt com o senhor para agendar

Eu: A peça está no Brasil?

Atendente: Não sei informar senhor, foi solicitado o prazo, onde era para ter chego dia 30, porem, nao tinha disponivel, foi solicitado novamente um novo prazo

Eu: Essa incompetência é normal ou meu notebook tem uma configuração tão extraordinária a ponto de não existir peça para reposição a um tempo hábil?

Atendente: Senhor, qualquer equipamento que venha apresentar problema esta propenso a nao ter peças disponiveis, sendo assim, ter um prazo maior para a troca, no qual não é classificado como incopetencia, e sim, que não há peça disponivel no momento, pois, já foi solicitada a peça. Solicito novamente que aguarde

Eu: 2 meses pra mim é incompetêncai

Atendente: Entendo senhor, algo mais em que posso ajudar?

Eu: nada, como sempre. obrigado

Ontem a Unisys entrou em contato para agendar o segundo atendimento técnico para hoje. Uma hora depois um atendente da Dell (o mesmo do email) me ligou informando que era de uma área de suporte avançado e que a partir de agora estaria responsável pelo meu caso, que o atendimento já estava sendo providenciado mas que ainda não havia em estoque a placa-mãe correta para o meu modelo, portanto havia sido enviado um componente superior e se eu autorizava a troca mesmo assim. Autorizei e hoje um técnico veio fazer a troca.

Após a troca da placa-mãe o problema persistiu. Aparentemente, a bateria que está há 2 meses sem receber carga e que no dia 15 de abril ainda funcionava, viciou e só serve como peso de papel. Como só mandaram a placa-mãe, um novo atendimento foi aberto para troca da bateria.

Cenas do próximo capítulo:  Marco Aurélio foge com Helena Cristina levando todo dinheiro de Alfredo Manoel, mas é surpreendido por Paola, que ameaça contar tudo à José Daniel. Enquanto isso Paco casa com Tereza e Chistoffer continua sendo enrolado pela Dell.

 


 

UPDATE: O problema foi resolvido no dia seguinte a essa publicação, foi feita a troca da bateria e voltou a funcionar como antes. Pelo menos por algumas semanas. Hoje é 4 de junho, e há pouco mais de duas semanas tive diversos problemas com travamentos, lentidão e barulhos estranhos, logo depois de formatar  desativei cada dispositivo e aparentemente os problemas estabilizaram depois que desativei os drivers de áudio, isso justifica o fato da a região do subwoofer estar emitindo um grunhido mesmo com o som desligado. Mas isso é assunto para uma próxima novela.

%d blogueiros gostam disto: